Seasonal parasitism of the leaf-cutting ant Atta sexdens Linnaeus (Hymenoptera: Formicidae) by phorid flies (Diptera: Phoridae) in a Brazilian Cerrado-Atlantic Forest ecotone

  • Cliver Fernandes Farder-Gomes Departamento de Entomologia, Universidade Federal de Viçosa, 36570-900, Viçosa, Minas Gerais, Brazil
  • Marco Antônio de Oliveira Programa de Pós-Graduação em Manejo e Conservação de Ecossistemas Naturais e Agrários, Universidade Federal de Viçosa Campus Florestal, 35690-000, Florestal, Minas Gerais, Brazil
  • Ana Carolina Ribeiro de Oliveira Departamento de Estatística, Universidade Federal de Viçosa, 36570-900, Viçosa, Minas Gerais, Brazil
  • Pollyana Leão Gonçalves Programa de Pós-Graduação em Manejo e Conservação de Ecossistemas Naturais e Agrários, Universidade Federal de Viçosa Campus Florestal, 35690-000, Florestal, Minas Gerais, Brazil
  • Evaldo Martins Pires Departamento de Entomologia Geral, Universidade Federal de Mato Grosso Campus Sinop, 78557 267, Sinop, Mato Grosso, Brazil
  • Antonio José Vinha Zanuncio Departamento de Engenharia Florestal, Universidade Federal de Viçosa, 36570-900, Viçosa, Minas Gerais, Brazil
  • José Eduardo Serrão Departamento de Biologia Geral, Universidade Federal de Viçosa, 36570-900, Viçosa, Minas Gerais, Brazil
  • José Cola Zanuncio Departamento de Entomologia, Universidade Federal de Viçosa, 36570-900, Viçosa, Minas Gerais, Brazil

Abstract

Phorid flies (Diptera: Phoridae) parasitize insects of many orders including leaf-cutting ants, which are pests of several crops. These parasitoids may have a significant impact on ant behavior by altering their foraging rhythm. Seasonal variations in climatic variables, such as temperature and humidity, influence the abundance, activity period, distribution, and reproduction of insects. Therefore, knowledge of parasitoid seasonal patterns is important for biological control success. In this study we evaluate the parasitism of the leaf-cutting ant Atta sexdens L. (Hymenoptera: Formicidae) by Apocephalus attophilus Borgmeier and Eibesfeldtphora tonhascai Brown (both Diptera: Phoridae) across seasons throughout a yr in a Brazilian Cerrado-Atlantic Forest ecotone, and compare their parasitism in a semi-deciduous seasonal forest fragment and urban area. The number of ants parasitized by A. attophilus and E. tonhascai was higher in the winter and spring, respectively, but similar in summer and fall. Apocephalus attophilus parasitism was negatively correlated with temperature but not with relative humidity, whereas ant parasitism by E. tonhascai presented no correlation with either parameter. The number of ants parasitized by A. attophilus and E. tonhascai in the semi-deciduous seasonal forest fragment was higher than in urban areas. Knowledge of biotic and abiotic factors influencing the population dynamics of phorid flies is important for rearing and releasing protocols for these parasitoids.

Key Words: parasitoid; pests; temperature; humidity; urban area

Resumo

Moscas forídeas (Diptera: Phoridae) parasitam insetos de várias ordens, incluindo formigas cortadeiras que são pragas de várias culturas. Esses parasitoides podem ter um impacto significativo no comportamento das formigas, alterando seu ritmo de forrageamento. Variações sazonais nas variáveis climáticas, como temperatura e umidade, influenciam a abundância, período de atividade, distribuição e reprodução dos insetos. Portanto, o conhecimento dos padrões sazonais dos parasitoides é importante para o sucesso do controle biológico. Aqui, nós avaliamos o parasitismo da formiga cortadeira Atta sexdens L. (Hymenoptera: Formicidae) por Apocephalus attophilus e Eibesfeldtphora tonhascai (ambos Diptera: Phoridae) ao longo das estações durante um ano em um ecótono Cerrado-Mata Atlântica, e comparamos seu parasitismo em um fragmento de floresta estacional semidecidual e área urbana. O número de formigas parasitadas por A. attophilus e E. tonhascai foi maior no inverno e na primavera, respectivamente, mas semelhante no verão e outono. O número de formigas parasitadas por A. attophilus foi negativamente correlacionado com a temperatura, mas não com a umidade relativa, enquanto o parasitismo por E. tonhascai não apresentou correlação com nenhum dos parâmetros. O número de formigas parasitadas por A. attophilus e E. tonhascai no fragmento de floresta estacional semidecidual foi maior que nas áreas urbanas. O conhecimento de fatores bióticos e abióticos que influenciam a dinâmica populacional de forídeos é importante para a elaboração de protocolos de criação e liberação desses parasitoides.

Palavras Chave: parasitoide; pragas; temperatura; umidade; área urbana

View this article in BioOne

Author Biographies

Cliver Fernandes Farder-Gomes, Departamento de Entomologia, Universidade Federal de Viçosa, 36570-900, Viçosa, Minas Gerais, Brazil

Departamento de Entomologia

Marco Antônio de Oliveira, Programa de Pós-Graduação em Manejo e Conservação de Ecossistemas Naturais e Agrários, Universidade Federal de Viçosa Campus Florestal, 35690-000, Florestal, Minas Gerais, Brazil

Programa de Pós-Graduação em Manejo e Conservação de Ecossistemas Naturais e Agrários

Ana Carolina Ribeiro de Oliveira, Departamento de Estatística, Universidade Federal de Viçosa, 36570-900, Viçosa, Minas Gerais, Brazil

Departamento de Estatística

Pollyana Leão Gonçalves, Programa de Pós-Graduação em Manejo e Conservação de Ecossistemas Naturais e Agrários, Universidade Federal de Viçosa Campus Florestal, 35690-000, Florestal, Minas Gerais, Brazil

Programa de Pós-Graduação em Manejo e Conservação de Ecossistemas Naturais e Agrários

Evaldo Martins Pires, Departamento de Entomologia Geral, Universidade Federal de Mato Grosso Campus Sinop, 78557 267, Sinop, Mato Grosso, Brazil

Departamento de Entomologia Geral

José Eduardo Serrão, Departamento de Biologia Geral, Universidade Federal de Viçosa, 36570-900, Viçosa, Minas Gerais, Brazil

Departamento de Biologia Geral

José Cola Zanuncio, Departamento de Entomologia, Universidade Federal de Viçosa, 36570-900, Viçosa, Minas Gerais, Brazil

Departamento de Entomologia

Published
2020-04-15
Section
Research Papers